Curso de Inglês abre 30 vagas para turma de English Language Speaking

O Curso de Letras Inglês aprovou junto à Regional English Language Officer – RELO, da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, o projeto local vinculado ao Programa Virtual English Language Fellow – VELF, que oferecerá uma turma para desenvolvimento de habilidade de conversação em Língua Inglesa para alunos do Curso de Letras Inglês em nível intermediário.

Sob coordenação do Prof. Carlos André Alexandre, do Centro de Educação, Letras e Artes, a turma vai ser desenvolvida de forma online com encontros semanais a cargo da ministradora Cara Kruse Hoppe, bolsista selecionada e indicada pela Georgetown University, de Washington para este projeto.

As atividades serão desenvolvidas entre os meses de agosto e novembro de 2021. Serão disponibilizadas 25 vagas para discentes do Curso de Letras Inglês do Campus Rio Branco e 5 vagas para o Campus Cruzeiro do Sul. Para realizar a inscrição, os interessados deverão acessar o formulário no endereço: http://bit.ly/velftalkatufac

O editall de abertura de vagas pode ser acessado no endereço aqui.

Ensino e Aprendizado de Inglês | Embaixada e Consulados dos EUA no Brasil

Curso de Letras/Inglês realiza evento sobre literatura, música e cinema

Entre os dias 09 a 11 de junho de 2021, por meio do Google Meet, ocorreu o evento Literature, Cinema and Music: critical approaches for English Literature.

Aberto ao público e com certificação de extensão universitária, o seminário se propôs a criar um espaço para apresentar leituras críticas de obras artísticas contemporâneas promovidas no Curso de Letras/Inglês da Ufac, resultantes de trabalhos desenvolvidos nas disciplinas de Seminário de Literatura Inglesa I e II, além de Literatura Norte-Americana II, como forma de socializar as reflexões dos discentes das disciplinas em torno de estudos de literatura de língua inglesa e suas interfaces com o cinema e música. 

Os coordenadores do seminário, também titulares da disciplinas, professores André Alexandre, Raquel Ishii e Jairo Souza, realizaram um planejamento conjunto que resultasse em um produto final ao término do semestre, como forma de problematizar diversas linguagens e seus discursos a partir de abordagens críticas da literatura envolvendo temáticas que abordasse racismo, feminismo, cinema de ficção científica e crítica colonial em torno de representações do espaço amazônico e africano.

A ação integrou ainda as atividades do Programa de Formação Inicial e Continuada para Professores de Língua Inglesa, coordenado pela Profa. Queila Lopes, e reuniu, além discentes e docentes do curso, egressos de Letras/Inglês e docentes de outros estados do país.

Durante o evento, foram apresentados os seguintes trabalhos, todos a cargo dos discentes, sob orientação dos professores:

Aeolane Coelho SousaA representação da floresta amazônica no filme Jungle (2017)
Anna Carolina Cunha da Silva NunesUma abordagem histórica de Strange Fruit pela 13ª emenda: O contexto por trás dos linchamentos e da violência contra os negros nos Estados Unidos
Chancimaiqui da Costa VilacioO discurso colonial e o complexo do herói branco salvador na formação do imaginário sobre o continente africano no filme The Ghost and Darkness (1996)
Fabio Victor Arantes da SilvaA diferença do tratamento social entre homens e mulheres a partir da música The Man, de Taylor Swift
Maria Fernanda de Oliveira SilvaA classe trabalhadora negra americana a partir de uma análise da música Fast Car
Eva Esthefany de Oliveira PereiraO poder da voz e representatividade negra analisando o poema Still I Rise, de Maya Angelou
Felipe Salvador Guiniling AraujoFast car, de Tracy Chapman: the portrait of the black working class in the United States
Glenielly Emili Lyra VasconcelosStrange Fruit: a fruta amarga do racismo
Ingride Caroline Nunes Pascoal NogueiraPrimitiva e selvagem: a paisagem amazônica em The Rundown (2003)
Janaira Farias de MendonçaAnálise crítica colonial sobre Guerra dos Mundos e a invasão europeia nas terras indígenas
Joao Marcos Vaz LucknerTear Seven Times Salt: Caitlin R. Kiernan and trans identity in a modern Little Mermaid
Joao Victor Martins da CostaO mito do bom colonizador no filme Z – A Cidade Perdida (2017)
Lizany Soares de AbreuUm retrato falado da mulher negra no século 20 na autobiografia de Maya Angelou “Eu sei porque o pássaro canta na gaiola
Pablo Leonardo Lima MoreiraRespect: a importância histórica de Aretha Franklin e sua busca por igualdade e respeito
Poliana Targino Alves da RochaRespect: Aretha Franklin e sua contribuição pela luta feminista
Raimundo Marison CunhaCinema e discurso colonial em Tears of the sun (2003)
Solange Pereira LimaDiscurso colonial na produção fílmica “A Guerra dos Mundos
Soraia do Nascimento SilvaUma análise da história brutal da Era dos Linchamentos negros nos EUA, através das metáforas da música Strange Fruit.
Stephanye da Silva TeotonioRepresentação do empoderamento negro e afirmação da estética na música To Be Young, Gifted and Black, de Nina Simone
Thales Cesar da Costa FerreiraUm apelo ao bom senso do homem estadunidense: da autobiografia de Benjamin Franklin à música Think, de Aretha Franklin

Literature, Cinema and Music: critical approaches for English Literature

A mostra Literature, Cinema and Music: critical approaches for English Literature propõe um espaço para apresentar leituras críticas de obras artísticas contemporâneas dentro do Curso de Letras Inglês da Ufac. O webinário resulta de trabalhos desenvolvidos nas disciplinas de Seminário de Literatura Inglesa I e II, além de Literatura Norte-Americana II, em que os discentes, pela primeira vez, se reúnem em um evento virtual para socializar suas reflexões em torno de estudos de literatura de língua inglesa e suas interfaces com o cinema e música.
O evento ocorrerá entre os dias 09 a 11 de junho de 2021, das 14 às 17h, por meio do Google Meet, e se integra às ações do Programa de Formação Inicial e Continuada, coordenado pela Profa. Queila Lopes.
Os coordenadores do evento, também titulares da disciplinas, professores André Alexandre, Raquel Ishii e Jairo Souza, realizaram um planejamento conjunto que convergissem em um produto final ao término do semestre, como forma de problematizar diversas linguagens e seus discursos a partir de abordagens críticas da literatura envolvendo leituras de poemas e canções que se debruçam sobre as temáticas do racismo e do feminismo, crítica colonial presentes em literatura e cinema de ficção científica e que retratam dimensões do espaço amazônico e africano.
O evento é público e tem inscrições para ouvintes com direito a certificação de extensão universitária por meio do formulário eletrônico: https://forms.gle/2d3CZDTtmoJK5g7g9. As inscrições permanecerão abertas até o primeiro dia do evento, 09 de junho de 2021.

Eleições para coordenação de Letras Inglês: biênio 2021-2022

No próximo dia 22 de abril, ocorrerá a eleição online para a nova gestão que ficará à frente da Coordenação de Letras Inglês durante o biênio 2021-2022.

A comissão paritária para organizar o pleito foi instituída pelo Colegiado do curso no dia 20 de janeiro de 2021, composta por membros dos três segmentos: um docente, um técnico e um discente.

A Comissão publicou o edital no dia 16 de março, divulgado no site da Ufac e no blog do curso. As inscrições iniciaram no dia 30 de março e se estenderam até o dia 06 de abril. No período, apenas uma chapa enviou inscrição, composta pelas professores Queila Barbosa Lopes (coordenadora) e Jannice Moraes de Oliveira Cavalcante (vice-coordenadora).

Como indicado antes, e estabelecido pela resolução nº 03, de 22 de dezembro de 2021, a eleição será realizada totalmente online. A comunidade acadêmica acessará o ambiente virtual de votação pelo site https://eleicoes.ufac.br/

O acesso é realizado utilizando o seu ID UFAC (senha que usa para acessar a wifi da Ufac)

É de responsabilidade dos eleitores verificarem seu acesso. Se houver algum problema para acessar, o eleitor deverá buscar solução nos canais indicados no site.

Desejamos a todos uma boa eleição.

Eleitores discentes aptos a votar,

Eleitores docentes e técnicos aptos a votar.

Professora do Curso de Letras Inglês publica capítulo em livro sobre Tecnologias educacionais e Web 3.0

A professora Queila Barbosa Lopes publicou capítulo no livro da Editora Pontes Corpora, Tecnologias e Web 3.0: leituras e práticas para o ensino de línguas e tradução. O volume é organizado pelas professoras Talita Serpa e Paula Tavares Pinto (Unesp – Campus São José do Rio Preto) e pelo professor Eduardo Batista da Silva (Universidade Estadual de Goiás) e publicado pela Editora Pontes.

Além do capítulo da Professora Queila Lopes, Multec: um corpus multimodal e algumas possibilidades de pesquisas linguísticas, o livro contém trabalhos de pesquisadores de diferentes instituições brasileiras, sob o objetivo de abordar estudos da Linguística de Corpus para apresentar ao público estratégias e ferramentas que possam ser utilizadas para realizar tarefas educacionais direcionadas por dados de corpus através da web.

.

Professoras de Letras Inglês organizam e-book sobre vozes femininas na literatura

As professoras Maysa Cristina Dourado, Patricia Marouvo (do curso de Letras/Inglês da Ufac) e Maria Aparecida de Oliveira são organizadoras do e-book “Vozes Femininas na Literatura” (Edufac, 2020, 186 p.), que está disponível para download gratuito. O livro é resultante da atividade de extensão Colóquio de Literatura: Vozes Femininas, que ocorreu na Ufac como atividade do grupo de extensão Estudos de Língua e Literaturas Inglesas.

(Com texto da Ascom, disponível em: http://www.ufac.br/site/noticias/2021/professoras-organizam-e-book-sobre-vozes-femininas-na-literatura)

Eleições para nova gestão da Coordenação de Letras Inglês no biênio 2021-2022

A Comissão Eleitoral estabelecida pelo Colegiado de Letras fez publicar no site da Ufac, no dia 16 de março de 2021, o edital que disciplinará a eleição para a nova gestão que responderá pela Coordenação de Letras Inglês no biênio 2021-2022.

Todo o processo será realizado de forma online.

As chapas poderão se inscrever entre 30 de março e 06 de abril e a consulta ocorrerá no dia 22 de abril de 2021, com início às 7 h (sete horas) e encerrando-se às 19 h (dezenove horas), através do site https://eleicoes.ufac.br/.

No dia 19 de abril, será publicada no blog do curso e no site da Ufac a lista de eleitores aptos a votar. Solicitações de impugnação da lista, para fins de inclusão ou exclusão de nomes, poderão ser enviadas para o endereço de e-mail comissaoeleitoral.letrasingles@ufac.br, no prazo de 24 horas a contar de sua data de publicação.

O Edital poderá ser acessado no site da Ufac, neste link.